sexta-feira, 7 de maio de 2010

Google recupera vantagem sobre Bing nas buscas nos EUA


Na briga pelos acessos de busca da web, a Google tem se mantido firme e forte como a mais popular fonte, com 71,4% dos acessos nos Estados Unidos. O Bing, que mostrava crescimento, teve uma queda de 2% em seus acessos, caindo para 9,43% do market share.

"Parece que até o momento o Bing não ofereceu muitas razões para que as pessoas troquem seus buscadores favoritos", opina Ezra Gottheil, analista da Technology Business Research, em entrevista ao site ComputerWorld. "A maioria das pessoas não modifica seus hábitos de trabalho, ou qualquer outro tipo de rotina, sem uma boa razão".

O Bing tem se esforçado, oferecendo aos usuários algumas facilidades em buscas por automóveis, saúde, compras e viagens, tipo de busca que teve um aumento bastante considerável, ressalta o site Information Week, categorias nas quais o Google tem menos acesso.

Todas as estatísticas relacionadas ao uso de buscadores da web, realizadas pela Hitwise, podem ser conferidos no site oficial da empresa pelo atalho bit.ly/b7kK2e.


Fonte: Geek / Terra

Um comentário:

  1. O bing pode até crescer mas nunca será um Google

    ResponderExcluir